CATEGORIA AUTOR

Rubens Figueiredo

Passageiro do fim do dia
Companhia das Letras

“Julgar livros nunca foi fácil. E nesse campo ninguém tem a última palavra. Por mais abalizado e coerente que seja, o Prêmio São Paulo de Literatura vale como uma proposta. Mas, nesse âmbito, já conseguiu ir bem longe e, espero, terá um longo futuro.”

 

CATEGORIA AUTOR ESTREANTE

Marcelo Ferroni

Método prático da guerrilha
Companhia das Letras

“Recebi a notícia de que havia ganhado o Prêmio São Paulo de Literatura com muita surpresa; na época em que escrevia o romance, nunca achei que ele chegaria tão longe. Como editor, havia acompanhado as edições anteriores, e sabia das dificuldades para conquistá-lo. ”

 

 

Leia Mais →
Compartilhar:

MELHOR LIVRO DO ANO 2010

Adriana Lisboa – Azul-corvo (Rocco)
Carola Saavedra – Paisagem com dromedário (Companhia das Letras)
Evandro Affonso Ferreira – Minha mãe se matou sem dizer adeus (Record)
Joca Reiners Terron – Do fundo do poço se vê a lua (Companhia das Letras)
Miguel Sanches Neto – Chá das cinco com o vampiro (Objetiva)
Menalton Braff – Bolero de Ravel (Global)
Nelson de Oliveira – Poeira: demônios e maldições (Língua Geral)
Ronaldo Wrobel – Traduzindo Hannah (Record)
Rubens Figueiredo – Passageiro do fim do dia (Companhia das Letras)
Sérgio Mudado – Os negócios extraordinários de um certo Juca Peralta (Crisálida)

MELHOR LIVRO DE ROMANCE DO ANO - AUTOR ESTREANTE

Andréa del Fuego – Os Malaquias (Língua Geral)
Bráulio Mantovani – [Perácio] – relato psicótico (Leya)
Eduardo Giannetti – A ilusão da alma – biografia de uma ideia fixa (Companhia das Letras)
Gabriela Guimarães Gazzinelli – Prosa de papagaio (Record)
Helio Pólvora – Inúteis luas obscenas (Casarão do Verbo)
Luis Alberto Brandão – Manhã do Brasil (Scipione)
Marcelo Cid – Os unicórnios (7Letras)
Marcelo Ferroni – Método prático da guerrilha (Companhia das Letras)
Marco Lucchesi – O dom do crime (Record)
Reni Adriano – Lugar (Tinta Negra)

Leia Mais →
Compartilhar: